Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Little Tomodachi (ともだち)

Little Tomodachi (ともだち)

26
Set22

"O Poder dos Alimentos" de João Rodrigues

Niel Tomodachi

As melhores escolhas alimentares para uma vida longa e saudável

Wook.pt - O Poder dos Alimentos

Sobre o Livro:

Se somos o que comemos, escolha ser saudável!

Neste livro, vai ficar a conhecer os alimentos que deve consumir e os que deve evitar, no sentido de prevenir o aparecimento de doenças ou de minimizar o impacto das mesmas. O cancro, as doenças cardiovasculares, a diabetes, entre tantas outras doenças, são exemplos de problemas graves de saúde nos quais a alimentação pode desempenhar um papel muito importante. Com a esperança média de vida a aumentar de forma significativa, manter-se saudável deve ser uma preocupação - só assim conseguirá preservar a sua qualidade de vida. Saber o que comer e o que não comer é, por isso, algo que todos devem valorizar...
Se somos o que comemos, escolha ser saudável!

«Comer é muito mais do que uma necessidade básica. É um dos fatores que mais contribuem para se manter a boa saúde. Todos os dias é necessário fazer escolhas alimentares, e essas escolhas têm impacto direto não só no presente, mas também no futuro de cada um.»

 

Sobre o Autor:

João Rodrigues é licenciado em Ciências da Nutrição e em Bioquímica, doutorado em Ciências Biomédicas e possui agregação em Medicina Dentária. É docente do ensino superior na Universidade do Porto, no Instituto Politécnico do Porto e no Instituto Politécnico de Viana do Castelo. Exerce prática clínica como nutricionista em Viana do Castelo. É ainda autor do blogue Mundo da Nutrição e colabora regularmente com vários órgãos de comunicação social.
Assume-se como um nutricionista apaixonado pelo mundo da alimentação e da nutrição. Acredita que é no presente que se define grande parte do futuro, e que a alimentação é um fator primordial para preservar a saúde, prevenir doenças e, acima de tudo, para se ser feliz.

 

25
Set22

"Golden Boys" de Phil Stamper

Niel Tomodachi

Por vezes é preciso sair da zona de conforto para encontrar a nossa verdadeira essência

Wook.pt - Golden Boys

Sobre o Livro:

Golden Boys é um romance emocionalmente retumbante sobre sonhos, amizade, romance e desejos profundos.

Gabriel, Reese Sal e Heath são grandes amigos e estão prestes a embarcar numa jornada única. Os quatro perseguem o seu sonho, o que os leva a destinos tão diferentes como Boston, Washington ou Paris. O que significará este tempo de novas experiências e viagens reveladoras para cada um deles e para a sua amizade?

Uma história doce e envolvente sobre as dores de crescimento que explora questões como a identidade, o papel e a importância da família que forjamos e a complexidade de amar o melhor amigo.

 

Sobre o Autor:

Phil Stamper estudou Música e Escrita Criativa nas universidades de Dayton e Kingston. É autor, entre outras obras, do bestseller The Gravity of Us e As Far As You’ll Take Me. Atualmente trabalha no mundo editorial em Nova Iorque.

 

«Uma bela carta de amor a um verão mágico em que tudo muda –caloroso, sagaz e jovial.»
Simon James Green, autor de Alex in Wonderland

«Este romance marcou o meu coração da melhor maneira possível.»
Jenna Evans, autora de AMOR E GELATO

«Uma história envolvente sobre quatro jovens que se apoiam uns aos outros nos primeiros passos longe de casa e da familiaridade, enfrentando desafios familiares, românticos e vocacionais.»
Publishers Weekly

 

08
Set22

"A Arte do Silêncio" de Amber Hatch

Niel Tomodachi

Wook.pt - A Arte do Silêncio

Sobre o Livro:

O silêncio é um bem cada vez mais raro no nosso mundo. Vivemos imersos em ruído: das solicitações profissionais, afetivas e familiares do quotidiano, ao burburinho das redes sociais e ao monólogo interior da nossa ansiedade. Esquecemo-nos de que todo este ruído não é natural nem necessário; esquecemo-nos de que o silêncio é sequer possível.

Amber Hatch, autora de vários livros sobre mindfulness, explica aqui, num estilo prático e acessível, como cultivar, na agitação das nossas vidas quotidianas, espaço para que o silêncio e a respetiva tranquilidade floresçam. Desde a quietude literal - encontrar uns momentos e locais ao longo do dia em que não estejamos sujeitos a ruído - até à figurativa - silenciar a «voz interior» que não para de nos dar recados.

A Arte do Silêncio é ao mesmo tempo um guia de meditação e um manual para uma vida mais tranquila, plena e harmoniosa.

 

Sobre a Autora:

«Quando era adolescente, tinha duas certezas: que queria ser mãe e que queria ser escritora. Tanto a maternidade com a escrita seriam a forma de encontrar o meu caminho e um sentido num mundo cheio de incertezas.
Não perdi tempo: aos 24 anos, estava a terminar um mestrado em Escrita Criativa na Universidade de Bath Spa e estava à espera do meu primeiro filho. Ser mãe foi uma transformação tão profunda que comecei a reavaliar todas as noções que tinha acerca da minha própria identidade e da maneira como interagia com o mundo.
A meditação e a psicologia budista ofereceram-me alguma ordem no meio do caos e ensinaram-me a aceitar as minhas limitações.
Para além de escrever, também trabalho com crianças, e como editora e professora. A minha paixão é ajudar as pessoas a comunicar – seja com os seus filhos ou através da escrita. Organizo workshops para pais e ofereço consultoria de parenting, bem como serviços editoriais e de coaching para escritores.»

 

30
Ago22

"As Irmãs Soong: a Mais Velha, a Mais Nova e a Vermelha" de Jung Chang

As três mulheres que marcaram a China do século XX

Niel Tomodachi

Uma grande história de poder, amor, conquista e traição.

Wook.pt - As Irmãs Soong: a Mais Velha, a Mais Nova e a Vermelha

Sobre o Livro:

O regresso da autora de Cisnes Selvagens e da biografia da Imperatriz Viúva Cixi, com uma nova e arrebatadora narrativa sobre três mulheres no coração da China do século xx. Uma grande história de poder, amor, conquista e traição.

Um dos maiores contos de fadas modernos chineses é o das três irmãs de Xangai que, durante quase todo o século xx, estiveram no centro do poder na China. Dizia- -se que uma «adorava o dinheiro», outra «adorava o poder» e a terceira «adorava o seu país», mas há muito mais para além destas caricaturas. Enquanto a China passava por um século de guerras, revoluções e transformações sísmicas, cada uma delas desempenhou um papel importante ou mesmo crítico, deixando uma marca indelével na História.

A Irmã Vermelha, Ching-ling, casou-se com Sun Yat-sen, pai fundador da República Chinesa. A Irmã Mais Nova, May-ling, era a senhora Chiang Kai-shek, primeira-dama da China nacionalista pré-comunista e uma figura política por direito próprio. A Irmã Mais Velha, Ei-ling, era a conselheira principal não oficial de Chiang; tornou--se uma das mulheres mais ricas da China e fez do seu marido primeiro-ministro de Chiang. As três irmãs gozaram de enorme privilégio e glória, mas também sofreram constantes ataques e perigos mortais. Mostraram grande coragem, viveram o amor apaixonado, mas também o desespero e a perda. A relação entre elas tinha uma carga emocional fortíssima.

Uma história de amor, guerra, exílio, intriga, glamour e traição, que nos transporta numa imensa viagem de Cantão ao Havai e a Nova Iorque; dos aquartelamentos de exílio no Japão e em Berlim às salas de encontros secretos em Moscovo; dos complexos da elite comunista em Pequim aos corredores do poder do Taiwan democrático.

 

Sobre a Autora:

Jung Chang nasceu na China, na província de Sichuan, em 1952. Aos 14 anos pertenceu, durante um curto período, ao Exército Vermelho. Foi camponesa, depois operária, até se ter tornado estudante de inglês e, mais tarde, assistente na Universidade de Sichuan. A partir de 1978 passou a viver em Inglaterra. Jung Chang doutorou-se em Linguística pela Universidade de York, em 1982. Foi a primeira pessoa da República Popular da China a fazer o doutoramento numa universidade britânica.

 

19
Ago22

"Antes que o Café Arrefeça" de Toshikazu Kawaguchi

De Regresso a Tóquio

Niel Tomodachi

A sequela do livro-fenómeno japonês

Wook.pt - Antes que o Café Arrefeça

Sobre o Livro:

Que saudades todos tínhamos deste café… Se pudesse voltar ao passado, quem gostaria de encontrar? Estamos de regresso a Tóquio para mais viagens… no tempo.
Num pequeno beco da cidade, bem escondido, há um café centenário. Mas, diante de uma chávena de café bem quente, os clientes recebem muito mais: a possibilidade de viajar até ao passado.

Do autor de um dos maiores bestsellers internacionais dos últimos tempos, Antes Que o Café Arrefeça: De Regresso a Tóquio leva-nos de regresso ao lugar onde o passado pode, subitamente, ser diferente. Aqui, encontramos quatro novas personagens que procuram a magia do Café Funiculi Funicula: um homem que quer rever o melhor amigo, morto há vinte e dois anos; um filho que não pôde ir ao funeral da mãe; um homem que precisa de reencontrar a rapariga com quem não pôde casar; um detetive que quer dar um presente especial à sua falecida mulher. Mas lembrem-se: as viagens no tempo têm condições e riscos… E nada do que façam vai alterar o presente.

 

Sobre o Autor:

Toshikazu Kawaguchi nasceu em Osaka, no Japão, em 1971. Foi produtor e diretor do grupo de teatro Sonic Snail, para o qual também escreveu. Como dramaturgo, destacam-se as suas peças COUPLE, Sunset Song e Family Time. A série Antes que o Café Arrefeça tornou-se um bestseller internacional e foi adaptado para cinema no Japão.

 

«Kawaguchi encontrou uma forma única de retirar das viagens no tempo um efeito tremendo. Ao terminarmos o romance, olhamos para a alegria como o mais verdadeiro e poderoso legado das nossas vidas.»
Library Journal

«Uma viagem profunda e imersiva ao nosso desejo de voltar atrás no tempo. Uma história surpreendente que vai comover os leitores.»
Publishers Weekly

«Uma história verdadeiramente tocante.»
Chicago Review Of Books

«Um romance singular. Sensível e contemplativo.»
Huffpost

«Magnífico. Um romance para todos aqueles que querem voltar a sentir-se ligados ao outro e ao mundo.»
Bookreporter

«As personagens desta história percebem que não têm de viver assombradas pelo arrependimento, e isso acontece porque viajam no tempo - uma espécie de terapia que lhes revela o passado sob outra perspetiva. É muito fácil sermos cínicos, na vida, mas é extraordinariamente raro encontrar um livro que terminamos com verdadeiras lágrimas de alegria.»
The New York Times

 

31
Jul22

"Filthy Animals" de Brandon Taylor

Niel Tomodachi

bd8187b3021f4aed8af49a144d0679aa.webp

Sobre o Livro:

A group portrait of young adults enmeshed in desire and violence, a hotly charged, deeply satisfying new work of fiction from the author of Booker Prize finalist Real Life

In the series of linked stories at the heart of Filthy Animals, set among young creatives in the American Midwest, a young man treads delicate emotional waters as he navigates a series of sexually fraught encounters with two dancers in an open relationship, forcing him to weigh his vulnerabilities against his loneliness. In other stories, a young woman battles with the cancers draining her body and her family; menacing undercurrents among a group of teenagers explode in violence on a winter night; a little girl tears through a house like a tornado, driving her babysitter to the brink; and couples feel out the jagged edges of connection, comfort, and cruelty.

One of the breakout literary stars of 2020, Brandon Taylor has been hailed by Roxane Gay as "a writer who wields his craft in absolutely unforgettable ways." With Filthy Animals he renews and expands on the promise made in Real Life, training his precise and unsentimental gaze on the tensions among friends and family, lovers and others. Psychologically taut and quietly devastating, Filthy Animals is a tender portrait of the fierce longing for intimacy, the lingering presence of pain, and the desire for love in a world that seems, more often than not, to withhold it.

 

Sobre o Autor:

Brandon Taylor is the senior editor of Electric Literature's Recommended Reading and a staff writer at Literary Hub. His writing has received fellowships from Lambda Literary Foundation, Kimbilio Fiction, and the Tin House Summer Writer's Workshop. He holds graduate degrees from the University of Wisconsin-Madison and the University of Iowa, where he was an Iowa Arts Fellow at the Iowa Writers’ Workshop in fiction. 

 

03
Jul22

"Tudo o que Restou de Nós" de Adam Silvera

Niel Tomodachi

502x (2).webp

Sobre o Livro:

O Griffin acaba de perder o seu primeiro amor num trágico acidente. O Theo era o seu melhor amigo, o seu ex-namorado e a pessoa com quem se via a passar o resto da vida. Apesar de terem terminado o namoro uns meses antes, e de o Theo ter uma nova relação com o Jackson, o Griffin continuava a acreditar que iriam acabar por ficar juntos.

Agora, arrasados com a perda, o Griffin e o Jackson aproximam-se, numa tentativa de reavivarem as memórias que partilham da pessoa que ambos amaram. Mas à medida que as conversas correm, verdades vêm à tona e o efeito é devastador.

Para conseguir reconstruir a sua vida, o Griffin terá de confrontar o passado e todas as histórias que viveu com o Theo. de contrário, poderá colocar em risco a sua felicidade e o seu próprio futuro!

 

Sobre o Autor:

Adam Silvera nasceu e cresceu em Nova Iorque. Já trabalhou como livreiro, gestor de comunidades e de redes sociais, e ainda como crítico de livros para crianças e jovens adultos.
É autor de vários bestsellers.
Vive em Los Angeles, EUA, e é alto porque sim.

 

23
Jun22

"Agora é o Momento de Seres Feliz" de Curro Cañete

Niel Tomodachi

Vive o presente. Atrai coisas boas para a vida.

Wook.pt - Agora é o Momento de Seres Feliz

Sobre o Livro:

«Cada problema que tiveres e cada desafio que superares, tornar-te-ão uma pessoa mais sábia, mais forte e mais consciente do que queres, do que desejas conseguir. Toda a humanidade desenvolveu um desejo muito maior e intenso de ser feliz, de perseguir os seus sonhos e de aproveitar ao máximo o presente que tem nas suas mãos: a vida e a oportunidade de alcançar a felicidade.»

Hoje é um dia importante. O único momento de que dispões, a tua única ferramenta, é o presente. Depois do sucesso de O Poder de Confiares em Ti, um livro que ajudou mais de 200 mil leitores, o coachCurro Cañete quer que saibas que Agora É o Momento de Seres Feliz.

Ao longo destas páginas encontrarás um guia e a motivação de que precisas para delineares os teus objetivos, realizares os teus sonhos, enquanto aproveitas ao máximo cada dia, cada hora, de uma vida plena. Lembra-te, o passado já passou, aprendeste com ele e agora é a altura de confiares mais em ti, de dares um passo em frente e de ires atrás de tudo aquilo que desejas e te faz feliz. És o dono do teu próprio destino e tens o poder de mudar a tua vida.

Neste livro, o autor partilha a sua história pessoal e a de pessoas que ajudou, oferece ferramentas, conselhos práticos e exercícios que te vão ajudar neste percurso rumo à felicidade.

Não estás sozinho. Estás com a pessoa mais importante da tua vida: tu próprio. Por isso cuida de ti.

 

Sobre o Autor:

Curro Cañete é escritor e coach de êxito em Madrid. Licenciado em Direito e Jornalismo, fez também um master em Coaching Pessoal e Profissional na Facultad de Psicología de la Universidad Autónoma de Madrid. Perito em êxito e felicidade e com formação em todo o tipo de técnicas terapêuticas, o que mais lhe interessa é ajudar as pessoas a libertarem-se dos seus bloqueios e limites mentais para que possam viver a vida que desejam. Com Una nueva felicidad, o seu primeiro livro contou a sua história de libertação e busca e com O Poder de Confiares em Ti partilha os seus conhecimentos para que toda a gente possa aumentar a sua autoestima e ser feliz aqui e agora.

 

28
Mai22

"Apontar é Feio" de Joana Marques

Niel Tomodachi

Joana Marques partilha o seu bloco de notas, recheado de assuntos irrelevantes.

Wook.pt - Apontar é Feio

Sobre o Livro:

«A humorista mais querida dos portugueses», disse ninguém nunca sobre ela. Autora de uma rubrica de rádio de referência, que é também o podcast mais ouvido em Portugal, o Extremamente Desagradável, colunista da Visão, guionista do programa Isto é Gozar com Quem Trabalha e a jurada menos habilitada do programa de televisão Ídolos, Joana Marques partilha agora o seu bloco de notas com toda a gente.

Apontar é Feio trata-se de um caderno com apontamentos que obedece à estratégia que Joana Marques sempre usou para tomar notas na escola: enquanto lá à frente o professor dava a matéria, ela ia escrevendo sobre assuntos irrelevantes. Em dias bons, porque nos outros fazia só um jogo do galo contra ela própria (e às vezes perdia).

Nestas páginas, reflecte sobre temas tão importantes como compostagem humana, queijo comido às escondidas dos filhos, juízes sem juízo nenhum, sintomatologia do mau perder, neologismos das Spice Girls, festas da espuma, veados em Odivelas, o Ranger do Texas, um divórcio provocado por bananas, pijaminhas de sobremesas, viagens a Bali, lançamento de búzios, alinhamento de chakras ou a importância dos cheeseburgers no sucesso de Cristiano Ronaldo.

 

Sobre a Autora:

Joana Marques nasceu em Lisboa, em 1986, e aprendeu a escrever seis anos depois. Desde então, tem-se especializado em gastar papel. É guionista desde 2007. Escreveu os livros O Meu Coração Só Tem Uma Cor e Vai Correr Tudo Mal e criou, em 2012, com Daniel Leitão, o programa Altos & Baixos, no Canal Q. É uma d’As Três da Manhã, na Renascença, onde faz a rubrica diária Extremamente Desagradável. É o elemento mais baixo da equipa de autores do programa Isto é Gozar com Quem Trabalha, de Ricardo Araújo Pereira, e escreve semanalmente na revista Visão.

 

27
Mai22

"Peónia" de Pearl S. Buck

Niel Tomodachi

A história de um amor impossível na China do século XIX.

Wook.pt - Peónia

Sobre o Livro:

China, década de 1850. Peónia, uma criança chinesa, é vendida como serva a uma família judia rica de Kaifeng. Os judeus viveram durante centenas de anos nessa região do país mas, em meados do século XIX, a assimilação começou a afetar a sua comunidade. Peónia e o filho da família, David, crescem juntos e, quando se apaixonam um pelo outro, irão enfrentar uma forte oposição de todos os lados.

A tradição proíbe o seu casamento, e a família já tem em mente a filha de um rabino para mulher de David. Entretanto, Peónia tem também um conflito interior para resolver - o confronto entre o seu amor por David e a devoção à família adotiva.

Baseado em factos históricos, Peónia é um romance há muito celebrado pelo tratamento subtil e imparcial das tradições em colisão. Uma história envolvente sobre amor, identidade e a tragédia e a beleza que se encontram na interseção de duas culturas díspares.

 

Sobre a Autora:

PRÉMIO NOBEL DA LITERATURA 1938

Escritora norte-americana, Pearl Sydenstricker Buck nasceu a 26 de junho de 1892, em Hillsboro, no estado da Virgínia Ocidental. Filha de um missionário que dedicou muitos anos de vida à tradução da Bíblia da língua grega para a chinesa, Pearl Buck passou, em consequência, a sua infância na China. Educada pela mãe e por um professor particular chinês, estudioso do confucionismo, aprendeu este idioma antes de poder falar inglês.
Em 1907 foi enviada para um colégio interno em Xangai, onde estudou até 1909. Seguiu-se um período em que colaborou com uma associação de refúgio e apoio a prostitutas e escravas sexuais chinesas. Viajou depois para os Estados Unidos da América, com o intuito de prosseguir a sua educação, estudando Psicologia no Randolph-Macon Woman's College da Virgínia.
Tendo recebido o seu diploma em 1914, regressou à China para ocupar o cargo de professora numa missão presbiterana, mas a sua mãe adoeceu gravemente, pelo que Pearl Buck teve que passar dois anos a cuidar dela. Quando esta conseguiu recuperar, Pearl Buck foi viver com o Dr. John Lossing Buck, um agrónomo com quem tinha casado pouco tempo antes, para uma aldeia no Norte da China.
Passou então a trabalhar com o marido, viajando pelas áreas rurais como sua intérprete e desempenhando também as funções de professora. O casal mudou-se para Nanquim no início da década de 20, onde Pearl Buck trabalhou como professora universitária das cadeiras de Literatura Inglesa e Norte-Americana.
Em 1924 regressou aos Estados Unidos da América, em busca de auxílio médico especializado para a sua filha mais velha que sofria de um atraso mental. Recebeu a licenciatura em Literatura pela Universidade de Cornell em 1926. O casal tornou à China no ano seguinte, mas teve que ser evacuado pouco depois para o Japão, em consequência da eclosão da Guerra Civil Chinesa.
Em 1930 publicou o seu primeiro romance, East Wind: West Wind, modestamente acolhido pela crítica. Seguiu-se-lhe The Good Earth (1931), romance original por conseguir conciliar uma prosa de tom bíblico com a estrutura das sagas narrativas chinesas. A obra seria vencedora de um Prémio Pulitzer, e tornada em filme em 1937.
Em 1935 divorciou-se do primeiro marido para casar com o seu editor, Richard Walsh, com quem foi viver para a Pennsylvania. No ano seguinte, foi nomeada membro do Instituto Nacional das Artes e Letras norte-americano. Em 1938 tornou-se a primeira mulher norte-americana a ser alguma vez galardoada com o Prémio Nobel.
Em 1939 publicou The Patriot, obra em que a autora deixava transparecer a sua desilusão quanto à possibilidade de cooperação entre os povos. Optou por se orientar para uma vertente mais humana, lutando pelos direitos e melhoria das condições das crianças asiáticas, muitas delas fruto de relações entre ocidentais e asiáticas, e assim estigmatizadas e abandonadas. Assim, dedicou algumas obras a essas relações inter-raciais, como The Angry Wife (1949) e The Hidden Flower (1952). Pearl Buck e o seu marido empreenderam esforços em favor de causas humanitárias, que culminaram com a criação da Fundação Pearl Buck.
Após a morte de Richard Walsh, Buck deu início a uma relação com Ted Harris, um professor de dança cerca de quarenta anos mais jovem, e que veio a tomar conta da Fundação Pearl Buck.
A autora faleceu a 6 de março de 1973, em Danby, no estado do Vermont.<brz
 Pearl S. Buck. In Infopédia [Em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2011.</brz

 

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Quotes:

“How wonderful it is that nobody need wait a single moment before starting to improve the world.” ― Anne Frank

Pesquisar

Nelson's bookshelf: currently-reading

Alfie - O Gato do Bairro
tagged: currently-reading

goodreads.com

2022 Reading Challenge

2022 Reading Challenge
Nelson has read 0 books toward his goal of 50 books.
hide

Arquivo

    1. 2022
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Afiliado Wook

WOOK - www.wook.pt

Comunidade Bertand

Afiliado Miniso

Read the Printed Word!

Em destaque no SAPO Blogs
pub