Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Little Tomodachi (ともだち)

Little Tomodachi (ともだち)

27
Mai21

"Liberdade" de Mário Caetano

Decide o Teu Caminho

Niel Tomodachi

A partir do momento em que és livre cada dia transforma-se numa oportunidade

1507-1.jpg

Sobre o Livro:

A liberdade que tanto desejas está nas tuas mãos.
O que está a impedir que nos sintamos livres?
Num momento de mudança global em que os nossos direitos estão a ser postos em causa, devemos concentrar-nos no que está a acontecer à nossa volta e, simultaneamente, olhar para dentro de nós mesmos, percebendo o que nos aprisiona e o que nos liberta.
Os textos deste livro ajudar-te-ão a refletir sobre diversos pontos que têm influenciado a tua vida, e que, quando tocados conscientemente, dar-te-ão a possibilidade de fazeres novas escolhas. Este livro vai ajudar-te.
Nunca como agora foi tão importante saber escolher.
Chegou o tempo de sermos livres.

A PARTIR DO MOMENTO EM QUE ÉS LIVRE CADA DIA TRANSFORMA-SE NUMA OPORTUNIDADE
Textos inspiradores que irão transformar a tua vida para sempre. 3 minutos por dia.
Cada um destes textos pode ser lido de maneira independente e ajuda-nos a refletir sobre os mais diversos aspetos da vida. Trazem-nos pensamentos breves e profundos, repletos de significado e que nos dão, a cada palavra, a oportunidade de encontrarmos a liberdade que tanto desejamos.

 

Sobre o Autor:

Mário Caetano é empreendedor, pai de 3 lindas meninas, casado com uma maravilhosa mulher, autor dos livros AbreInspira-te e Reinventa a Tua Vida, coach e palestrante. Desde 2008, tornou-se especialista em ajudar pessoas a descobrirem o seu propósito de vida e a viverem daquilo que amam fazer.
Através dos princípios exatos da mudança que ensina e das mais de 100 000 pessoas que ajudou, conseguiu reinventar a sua vida vezes sem conta, passando de empreende dor falido e solitário a empreendedor abundante, unindo a espiritualidade à prática.
Quando não está a inspirar pessoas através das suas palestras e formações, sessões de coaching, cursos online e retiros, o Mário viaja pelo mundo com a sua família, corre pelas montanhas com os seus cães, escreve, inova e funde-se com a natureza.
Sabe mais sobre o autor em www.mariocaetano.net

 

 

26
Mai21

"Os Segredos da Sofrologia" de Florence Parot

Técnicas simples para combater a insónia, a ansiedade e o stresse e aumentar a concentração, a autoe

Niel Tomodachi

A sofrologia é o novo mindfulness!

500x (2).jpg

Sobre o Livro:

Desenvolvida na década de 1960 por um neuropsiquiatra com base em técnicas de ioga, consiste numa série de exercícios de respiração, visualização e movimento suave que desenvolverem a atenção plena e a consciência ativa, permitindo-se estar em sintonia com o seu corpo, os seus sentimentos e o ambiente à sua volta. As técnicas da sofrologia podem ser usadas em qualquer lado - em casa, no trabalho, e sim, até no metro! Este livro ensina como as implementar no seu dia-a-dia para constituir um verdadeiro sistema de saúde quotidiano. Através da sofrologia, poderá aumentar os seus níveis de energia e concentração, ter mais resiliência emocional, gerir o stresse, a ansiedade, dormir mais e melhor, lidar com situações desafiantes e conhecer todo o potencial da sua consciência.

 

Sobre a Autora:

Florence Parot é terapeuta de Sofrologia e Life Coach e uma especialista em gestão de stresse de renome internacional. Conhece em primeira mão os perigosos efeitos do stresse e da ansiedade: dedicou-se à cura integral depois de uma experiência de burnout intensamente dolorosa quando, com apenas 23 anos, foi diagnosticada com fadiga crónica. Fez uma recuperação duradoura graças à Sofrologia. E desde então que se tem dedicado a aplicar esta terapia, tendo fundado a primeira escola em Inglaterra para formação de formadores nesta área, The Sophrology Academy, que inclui também uma clínica de sono e de gestão de stresse.

 

 

22
Mai21

9 motivos para ter um estilo de vida minimalista

Niel Tomodachi

shutterstock_659331043.jpg

O minimalismo é uma das principais tendências dos tempos modernos. Passadas décadas avantajadas em que o consumismo e a acumulação pareciam já partes intrínsecas do nosso cérebro, eis que o chip muda e percebemos que menos é mais.

Ao contrário do que muitos pensam, a arte do minimalismo não é assim tão complexa como se pensa e até é possível aderir a este estilo de vida descontraído, despegado e simples em apenas uma semana.

Mas antes de revelarmos como pode adotar já um estilo de vida minimalista – como revelamos nas imagens acima –, eis os 10 principais motivos para se deixar render a esta onda do desapego.

 

1.Vai ter menos preocupações com o dinheiro, pois, afinal, vai passar a comprar apenas o necessário;

2.Vai passar menos tempo a arrumar e limpar porque, na verdade, poucos objetos terá na sua casa;

3.Uma vida mais simples e com menos ‘ruido’ visual é uma vida com menos stress;

4.Tal como a sua casa, a sua mente irá ficar mais organizada e limpa, facilitando o pensamento criativo e as decisões mais complexas;

5.Terá mais tempo para si e para os seus momentos de lazer;

6.Conhecerá um novo conceito de flexibilidade, visto que as mudanças de casa não serão mais um drama de horas a empacotar tudo e mais alguma coisa;

7.Sentir-se-á mais satisfeito, especialmente na hora em que sentir que, afinal, não precisa de comprar algo que toda a vida comprou;

8.Irá causar uma boa impressão, visto que organização, clareza e simplicidade são três característica apreciadas em todo o mundo;

9.Está a dar (em grande) o seu contributo para o bem-estar do planeta, evitando o desperdício e as compras desnecessárias.

(S)

19
Mai21

"Boas Vibrações, Boa Vida" de Vex King

Como o amor-próprio é a chave para uma grande vida

Niel Tomodachi

1507-1.jpg

Sobre o Livro:

Vex King era uma criança de colo quando o pai morreu. Começou então a sua atribulada viagem pela vida, com a mãe a fazer tudo o que podia para manter a família unida (Vex tem duas irmãs). Emigrantes pobres, viram-se muitas vezes sem casa onde morar, a viver em abrigos, por vezes extremamente violentos.

O autor ainda assim conseguiu formar-se e criar para si um rumo, enfrentando pelo caminho cenas de racismo e de bullying frequentes. Esse passado deu-lhe um entendimento diferente da vida, ensinou-lhe o poder do amor-próprio para curar todas as feridas e seguir em frente.

Neste livro, o visionário influencer, decidiu pôr no papel muitos dos seus pensamentos transformadores, que online não tinham o espaço e a profundidade que mereciam - como a sua famosa Lei da Vibração, ou o modo como as vibrações que cada um de nós emite têm sempre consequências.

Neste livro o leitor vai encontrar pistas para que melhor possa:

- Mimar-se a si próprio, livrando-se de energias tóxicas e salvaguardando o seu bem estar; >cultivar hábitos positivos como mindfulness e meditação
- Acreditar em si próprio e assim atrair oportunidades para a sua vida.

 

Sobre o Autor:

Vex King é uma estrela das redes sociais, influencer, escritor, mind coach e empreendedor. Vex enfrentou muitas dificuldades na infância e adolescência. O seu pai morreu quando ele era ainda um bebé, a sua família viu-se forçada a viver em abrigos e Vex cresceu em bairros problemáticos onde era frequentemente vítima de abusos racistas. Apesar de tudo isso, Vex conseguiu superar-se na escola, e trabalhou em música e moda antes de criar a sua própria marca na área do lifestyle. Através da sua popular conta de Instagram (@vexking) tornou-se numa fonte de inspiração para milhares de pessoas. Deu início ao movimento Good Vibes Only #GVO para ajudar os seus seguidores a usarem o poder do otimismo e assim transformarem as suas vidas, e a si mesmos, em algo maior. É casado com a guru de beleza Kaushal.

 

18
Mai21

"(Re)Construir a Minha Casa Emocional" de Rute Agulhas e Filipa Pancada Fonseca

Guia prático para mudar o pensamento, regular as emoções e alcançar o bem-estar

Niel Tomodachi

image-1_75fc5426-e1f9-4efb-afdf-64b5fe1b5b04_grand

Sobre o Livro:

Nem sempre cuidamos da nossa saúde mental como ela merece, apesar de ser tão importante como a saúde física. Com este livro, as psicólogas Rute Agulhas e Filipa Fonseca dão-lhe um ponto de partida para mudar de vida. Utilizando a metáfora da construção de uma casa, as autoras explicam-lhe como iniciar hoje mesmo um processo de (re)construção do seu bem-estar emocional.

Num guia prático repleto de exercícios, vai perceber como é possível sentir-se melhor consigo próprio, pensar de forma mais positiva, cuidar das suas emoções e melhorar os seus relacionamentos.

E ainda…

- aprenda a libertar-se do negativismo;
- saiba como cuidar das suas emoções;
- perceba como comunicar melhor;
- compreenda como pode relacionar-se de forma mais eficiente;
- descubra como melhorar a sua autoestima;
- conheça técnicas e exercícios de relaxamento;
- lide com os seus fantasmas.

 

Sobre as Autoras:

Rute Agulhas

Psicóloga, especialista em Psicologia Clínica e da Saúde e Psicologia da Justiça. Mestre em Psicologia da Saúde. Formada em Psicoterapia Comportamental e Cognitiva Integrativa. Trabalha há 20 anos em contexto hospitalar, tendo iniciado os Núcleos de Psicologia Pediátrica e de Apoio a Crianças e Jovens em Risco, do Hospital Fernando Fonseca, e, posteriormente, a equipa de Neurodesenvolvimento do Hospital da Luz. A sua atividade centra-se na intervenção ao nível da saúde mental, doença crónica e maus-tratos a crianças, adolescentes e jovens adultos, sendo formadora certificada nessas áreas. Integra a equipa fundadora do Belong - Instituto de Desenvolvimento e Saúde, onde é responsável pela área de formação e investigação.

:::::

Filipa Pancada Fonseca

 

12
Abr21

"Os novos mitos que comemos" de Pedro Carvalho

Um guia para se proteger dos influencers e das dietas da moda

Niel Tomodachi

350x (12).jpg

Sobre o Livro:

A água alcalina cumpre tudo aquilo que promete? O jejum intermitente traz realmente benefícios? É possível ser vegan e ter uma alimentação equilibrada?

Se fica baralhado com a quantidade de informação nutricional contraditória e com a miríade de dietas milagrosas que abundam nas redes sociais, este livro é para si.
Com base em evidência científica, o nutricionista Pedro Carvalho desmistifica questões alimentares relacionadas com a saúde, o exercício e as dietas, para que possa defender-se das falácias e das meias-verdades que diariamente ouvimos sobre aquilo que comemos.
Com a ajuda de Os novos mitos que comemos ficará certamente mais bem preparado para fazer escolhas alimentares de forma informada sem se perder em dietas da moda.

 

Sobre o Autor:

Pedro Carvalho nasceu em Matosinhos, em 1987. É licenciado em Ciências da Nutrição pela Faculdade de Ciências da Nutrição e Alimentação da Universidade do Porto (FCNAUP) e doutorado em Ciências do Consumo Alimentar e Nutrição.

Foi docente da FCNAUP até 2015 e é, desde 2016, professor auxiliar no Instituto Superior da Maia (ISMAI) e na Escola Superior de Biotecnologia da Universidade Católica Portuguesa.

Escreve desde 2011 para o Público, sendo responsável pelas colunas "Mitos que Comemos" e “Dicionário dos alimentos”. É autor das obras 50 Super Alimentos Portugueses (+10!), em coautoria com Vitor Hugo Teixeira, Os Mitos que Comemos e Comer, Crescer, Treinar, em coautoria com Maria Roriz.

Atualmente, é nutricionista clínico no CIM – Centro de Inovação Médica e na Clínica Privada de Guimarães, consultor nutricional da Sonae MC e nutricionista do voleibol feminino do Leixões Sport Club.

 

22
Mar21

Conheça o estilo de decoração que vai querer em sua casa

Niel Tomodachi

Chama-se Japandi e está a invadir as galerias e as contas de home styling das redes sociais

naom_5fabe7af4304c.jpgcultura japonesa e a cultura escandinava uniram-se num estilo de decoração que junta o melhor dos dois mundos: o Japandi. Este é um estilo de peças de artesanato e elementos naturais, cujos materiais e design transmitem personalidade e combinações improváveis.

A designer Shanty Wijaya, que recentemente inaugurou um projeto em Los Angeles dedicado a esta temática intitulado, “The Japandi Project”, descreve esta nova tendência à CNN como “o movimento de design entre o Oriente e o Ocidente que combina elementos artísticos japoneses e a filosofia wabi-sabi com o conforto e o calor escandinavo”, escreve o Imovirtual. Acrescenta ainda que "o Japandi não é puramente estético, mas um modo de vida. Trata-se de reconhecer, aceitar e abraçar a imperfeição da vida e optar pela simplicidade e autenticidade como uma escolha consciente.”

naom_5fabe7ac6f257.jpg

Mas afinal, qual é o segredo para criar um ambiente ao estilo Japandi?

Tons neutros, materiais em madeira e plantas.

Inspire-se neste novo estilo de decoração e traga conforto, elegância e simplicidade à sua casa. Na decoração, opte pelos tons claros ou crie apontamentos de cor, sem comprometer a simplicidade do estilo.

naom_5b1e4a94ab40d.jpg

Escolha materiais naturais, ou seja, provenientes da natureza sem tratar, acompanhados com peças em pedra ou bambu, móveis em madeira pouco trabalhada, cadeiras em fibras naturais e tecidos em linho, lâmpadas de papel, peças em cerâmica, entre outros.

naom_5fabe7aad7b60.jpg

Resumindo, traga o exterior para dentro de casa, mas sem excessos. Privilegie o verde e aposte em plantas, desse modo, terá uma decoração tal qual as casas japonesas mais tradicionais, assim que entrar pela sua porta de entrada.

 

22
Mar21

A primavera está a chegar! Dicas para preparar o seu roupeiro

Niel Tomodachi

Os sobretudos e as golas altas têm de ser arrumados até à próxima estação fria.

naom_6058a6b5a3f2d.jpg

chegada de temperaturas mais amenas é sinónimo de grandes mudanças nos armários e roupeiros. Está na altura de soltar os vestidos, as t-shirts e os calções e guardar os casacos quentes!

Assim, a Habitissimo, a plataforma digital dedicada a todo o tipo de serviços para o lar, dá umas dicas para preparar a primavera:

Separe a roupa: "vazar o roupeiro e separar a roupa que vai guardar até ao próximo ano das peças que vai recomeçar a usar agora facilita a ter uma noção concreta de tudo o que possui e de como maximizar o espaço de arrumação";

Limpe o roupeiro: "aproveite a oportunidade de ter o móvel vazio para proceder a uma boa limpeza e higienização. Prateleiras, cabides, gavetas, caixas, todos eles acumulam pó e pêlo dos materiais e tecidos ao longo do tempo";

Recicle ou doe: "antes de começar a devolver a roupa ao armário, identifique as peças que deixaram de fazer sentido e separe-as para doação. Concentre-se no que vai manter ou reciclar e não no que vai deixar! Quando em dúvida, pergunte-se: Adoro esta peça? Costumo vesti-la? Projeta a imagem certa de mim?"

Escolha um critério: "por cores, tamanhos, tipos de peças, ocasiões - todos os métodos são válidos para arrumar a roupa. Identifique o critério que melhor serve o seu dia-a-dia e esforce-se por manter o espaço organizado dessa mesma forma durante o resto do tempo";

Acessórios e calçado: "misturar camisolas com boinas tem tanto de lógico quanto guardar o par de sapatos que mais usa no fundo do roupeiro. Separe os acessórios e o calçado, utilize organizadores específicos para os manter acessíveis e, no final, aproveite ao máximo a nova estação".

 

22
Mar21

Pandemia faz surgir novas tendências nos casamentos. Eis oito ideias que ganham fama em 2021

Niel Tomodachi

Existem milhares de pessoas que tiveram de adiar, ou cancelar, o casamento, devido à pandemia da covid-19. No entanto, se ainda pensa em casar este ano, fique com oito ideias para um casamento de sonho.

Desta-1200x675.jpg

Existem milhares de pessoas que tiveram de adiar, ou cancelar, o casamento, devido à pandemia da covid-19. No entanto, se ainda pensa em casar este ano, fique com oito ideias para um casamento de sonho, apuradas pelo site Brit+co e que emergem, claramente, das condicionantes impostas pela pandemia provocada pelo Covid-19.

Diversas pessoas acabaram por dar o nó durante o ano de 2020 numa cerimónia a dois. Por isso, agora é altura de começar a pensar como planear uma cerimónia, em jeito de sequela, que conte com familiares e amigos, dentro das normas impostas pelas entidades de saúde.

No que diz respeito ao catering do seu casamento, aposte em porções individuais como as tapas de charcutaria e queijos, com muito vinho, água e sumos a acompanhar. As doses individuais fazem com que os convidados se sintam mais em segurança.

De acordo com o site, uma “das tendências” deste ano são os casamentos que duram o fim de semana, começando no sábado e terminado no domingo. Sendo que os noivos, neste caso, optam por gastar mais na cerimónia e menos na lua-de-mel.

Uma refeição prolongada a começar de manhã e a terminar a meio da tarde num jardim, com panquecas, charcutaria, ovos, bacon, abates, sumos, água, vinho e cocktails também são uma boa opção para ter um casamento que se transforme num brunch.

Este ano, segundo o site, aposte no detalhes, na cor, seja arrojada.

“Espera-se que a decoração seja maior e mais ousada do que antes, incluindo os florais e as luzes, que têm de tornar acolhedores os espaços maiores”, explicou a diretora criativa da empresa WeddingWire, Jeffra Trumpower.

Existem casais a escolherem passar o dia do casamento a ver filmes num cinema ao ar livre com os carros, rulotes de comida e muita diversão ao ar livre.

Pode também celebrar o matrimónio durante uma viagem a um local que dos dois queriam muito. Como as viagens estiveram interditas, devido à covid-19, casar-se durante a aventura pode ser um momento para mais tarde recordar.

Independente do tema do casamento, de acordo com o site “Brit+co”, a maioria dos casais estão a escolher mais atuações em acústico para animar a festa.

 

12
Mar21

"Reiniciar"

Por vezes, é preciso parar e começar noutro ponto de partida

Niel Tomodachi

Um hino ao mundo natural e à resiliência dos seres humanos.

350x (3).jpg

Sobre o Livro:

Ao longo da vida, sofremos revezes inesperados, como uma doença grave, a morte de um ser amado, uma rutura sentimental ou a perda de emprego. Estes períodos podem ser solitários e dolorosos. No caso de Katherine May o marido adoeceu, o filho deixou de ir à escola e os seus problemas de saúde forçaram-na a renunciar ao emprego.

Este livro explora a maneira como ela suportou estes momentos difíceis, mas também como aproveitou as oportunidades únicas que eles lhe ofereciam.

Esta comovente narrativa, entrecortada com lições retiradas da literatura, da mitologia e da natureza, oferece uma perspetiva inspiradora sobre o poder regenerador do descanso e do isolamento. A luz provém de fontes surpreendentes, e a mudança, inevitavelmente, ocorrerá.

 

Sobre a Autora:

Katherine May é escritora e tem vários livros publicados. Colabora regularmente com várias publicações, incluindo as revistas The Times, Good Housekeeping e Cosmopolitan. Reiniciar, o seu mais recente livro, é um trabalho inspirador e cativante que explora as maneiras como podemos recuperar o equilíbrio e a alegria de viver.

 

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Quotes:

“How wonderful it is that nobody need wait a single moment before starting to improve the world.” ― Anne Frank

Pesquisar

Nelson's bookshelf: currently-reading

Alfie - O Gato do Bairro
tagged: currently-reading

goodreads.com

2021 Reading Challenge

2021 Reading Challenge
Nelson has read 1 book toward his goal of 25 books.
hide

Arquivo

    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Afiliado Wook

WOOK - www.wook.pt

Comunidade Bertand

Afiliado Miniso

Read the Printed Word!

Em destaque no SAPO Blogs
pub