Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Little Tomodachi (ともだち)

Little Tomodachi (ともだち)

23
Jan22

Os serviços de subscrição chegaram em força aos livros

Niel Tomodachi

Promovidas pelas editoras, livrarias ou leitores, as caixas literárias são cada vez mais populares. Desconto dos livros pode chegar aos 40%

Os serviços de subscrição chegaram em força aos livros

Há-as para todos os gostos, preços, faixas etárias ou géneros. As caixas de subscrição - também conhecidas como kits ou boxes - conheceram um forte impulso durante a pandemia, permitindo que os leitores recebam comodamente em casa, e com descontos consideráveis nalguns casos, os seus livros.

Desde que, há dois anos e meio, a Leya avançou com o seu Clube de Leytura, muito mudou no setor do livro. "O fecho das livrarias durante meses a fio acentuou a nossa necessidade de encontrarmos canais alternativos de venda. Tivemos que nos reinventar", assume a editora da Tinta-da-China, que acaba de lançar o seu serviço de subscrição.

A formação de "uma futura comunidade de leitores" é o primeiro objetivo deste clube, que se insere numa estratégia mais ampla "de voltar a chamar as pessoas para os livros".

No caso do Clube Tinta-da-China, a identificação com a linha editorial é o requisito principal da adesão, porque os subscritores desconhecem o livro que vão receber em casa, o que dá à iniciativa "os contornos de um jogo", diz Bárbara Bulhosa.

Com 60 mil livros distribuídos desde julho de 2019, o modelo de subscrição proposto pelo grupo Leya possibilita um desconto de 40% na compra de dois livros, mas as vantagens não se ficam por aqui, segundo o diretor de comunicação José Menezes. "Os livros que fazem parte das nossas listas são recomendados por reconhecidos ilustradores ou escritores. É uma verdadeira curadoria literária".

Não se pense que as editoras detêm o monopólio deste serviço. Analisando o perfil dos 15 principais caixas, encontramos várias livrarias, mas também entusiastas dos livros. Como Helena Magalhães, autora de livros como "Ferozes" e "Diz-lhe que não", que se define como "ativista literária".

Criado em janeiro de 2019, o Book Gang começou por ser um clube de leitura digital, centrado na literatura contemporânea e no feminino. Ao fim de uns meses as sugestões feitas por Helena Magalhães começaram a ter um impacto tal nas vendas que várias editoras a contactaram para sugerir os seus livros.

A criação de uma livraria Book Gang foi o passo seguinte, mas só com a criação recente das caixas de subscrições a oferta ficou completa.

"Todos os meses, escolho as melhores novidades a sair em Portugal pela voz de mulheres, os livros que são mais cativantes e nos enriquecem enquanto seres humanos", explica a "influencer", convicta de que a literatura contemporânea "é a única, neste momento, capaz de criar novos leitores".

Com uma média de 400 subscritores mensais, o Book Gang "não quer tornar-se concorrente das livrarias, mas sim uma alavanca para a venda de livros", diz Helena Magalhães.

 

Oferta para todas as idades e géneros literários

Clube de Leytura
Por 9.90 euros mensais, o serviço faz chegar aos seus destinatários dois livros para as faixas etárias até aos 13 anos. Apesar de as recomendações terem o cunho de Alice Vieira, António Mota ou Ondjaki, é possível trocar os livros por outros de uma lista de 20 títulos. Os portes de envio gratuitos e os brindes são outras das mais-valias.

Clube Tinta-da-China
Com arranque marcado para 15 de fevereiro, este serviço de subscrição consiste no envio de uma novidade a um preço especial. Os benefícios incluem o acesso a uma sessão de conversa com os autores, desconto de 40% nas oficinas da editora ou 20% de desconto extra no site da editora (exceto novidades). Há vários planos de subscrição à escolha, com preços a partir dos 13.33 euros.

Book Gang Box
Começou por ser um clube de leitura digital, mas, em função da forte adesão, a escritora Helena Magalhães rapidamente alargou o conceito para uma livraria online que todos os meses faz chegar aos aderentes, a partir de 39.90 euros, duas a três novidades, além de extras pontuais.

Book O"Clock
Lançado no fim de 2021, o projeto alia o envio de novidades com vários acessórios incluídos (fichas de leitura, desafios ou ímanes) e extras (chás ou máscaras). O valor é de 33.50 euros.

Caixa Literária Mistério
Com a chancela da Imaginauta, esta caixa disponibiliza todos os meses, por 9.90 euros mais portes, um livro de terror, fantasia ou "sci fi".

Caixa Fora da Caixa
Responsáveis da livraria Indie, Not a Bookshop, Francisca Prieto e Maria Faria de Carvalho criaram esta subscrição que assegura, por 28.50 euros mais portes, o envio de uma novidade e surpresas várias.

Kit Literário
Vocacionado para os jovens leitores, este kit leva todos os meses até à casa dos subscritores uma novidade, acrescida de um passaporte literário e material de apoio à leitura, dirigido aos pais.

 

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Quotes:

“How wonderful it is that nobody need wait a single moment before starting to improve the world.” ― Anne Frank

Pesquisar

Nelson's bookshelf: currently-reading

Alfie - O Gato do Bairro
tagged: currently-reading

goodreads.com

2022 Reading Challenge

2022 Reading Challenge
Nelson has read 0 books toward his goal of 50 books.
hide

Arquivo

    1. 2022
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Afiliado Wook

WOOK - www.wook.pt

Comunidade Bertand

Afiliado Miniso

Read the Printed Word!

Em destaque no SAPO Blogs
pub