Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Little Tomodachi (ともだち)

Little Tomodachi (ともだち)

02
Jun20

5 truques para perder os quilos que ganhou durante o confinamento

Niel Tomodachi

8a0e8511c34d5ef6830cb92e0ede6b50-754x394.jpg

Nos últimos meses foram de várias mudanças para quase toda a gente e isso traz, muitas das vezes, uma carga enorme de stress. Para muita gente, o refúgio está na comida e a compulsão alimentar torna-se rotina, contribuindo para o aumento de peso. Tenha sido este o seu cenário ou outro, acabando por ganhar quilos extra, há forma de recuperar.

Atenção: não implica deixar de comer ou fazer dietas restritivas. Há pequenos hábitos que deve garantir que cumpre diariamente e, quando der por isso, já alcançou o peso normal — ou até mais —, garante a nutricionista Sónia Marcelo.

Um deles é algo tão simples como comer mais devagar. “Desde o momento em que o estômago está cheio até à sensação de saciedade chegar ao cérebro é necessário um período mínimo de 20 minutos. Portanto, se a refeição demorar menos que este tempo acabamos por ingerir mais alimentos”, revela a também autora do blogue “Dicas de Uma Dietista“.

Pode parecer simples, assim como os truques seguintes, mas vão fazer toda a diferença. E mais importante: vão tornar o processo natural e sem pressões. Tome nota.

1. Nunca saltar a refeição do pequeno-almoço

Pode parecer estranho este ser o primeiro truque para perder os quilos a mais, mas fará toda a diferença nesse objetivo. Se não fizer a primeira refeição do dia, vai ter ainda mais fome nas refeições seguintes e acaba por escolher alimentos menos saudáveis. Portanto. será um ciclo sem fim.

2. Privilegiar o consumo de alimentos saciantes

Segundo a nutricionista, o consumo de proteína (como carne, peixe, ovos, leite e derivados, feijão e grão, por exemplo) e fibras (como frutas, vegetais, leguminosas, sementes e cereais integrais) às refeições permite uma maior sensação de saciedade e atrasam o esvaziamento gástrico. Ou seja, ajuda a controlar o apetite durante mais tempo, o que é muito importante neste processo.

Privilegie os alimentos saciantes.

3. Estabelecer horários

“Definir horários é fundamental para criar uma rotina saudável”, diz à NiT a autora do blogue “Dicas de Uma Dietista”. Já o era antes do confinamento, mas agora ainda ganhou mais importância, já que foi algo que se perdeu durante o tempo em que esteve fechado em casa. Por isso, uma das primeiras coisas que deve fazer é comprometer-se a não ficar mais de três a quatro horas sem comer — pode recordar o artigo com sugestões de snacks. E não se esqueça: deve fazer entre cinco a seis refeições por dia.

4. Não comer durante atividades

Há vários estudos que confirmam que comer enquanto está a fazer alguma atividade, como um jogo, enquanto vê um filme, assiste a um programa de televisão ou lê um livro, pode contribuir para o aumento de peso. No fundo, a ingestão alimentar é superior ao que seriam as necessidades reais se estivesse a comer sem distrações pelo meio.

5. Dormir entre seis a oito horas

Quem pensa que emagrecer depende apenas dos alimentos que se dá ao corpo, está enganado. A especialista relembra que poucas horas de descanso aumentam o apetite por alimentos menos saudáveis, o que não ajuda em nada. Portanto, tente manter um horário estável para se levantar e ir dormir. Acredite ou não, fará a diferença.

“Mas ainda não sei exatamente que alimentos devo ter em casa”, argumenta o leitor. A primeira coisa que deve saber que não tem de colocar de lado todos os seus pratos e doces favoritos. Da carbonara à feijoada, passando por doritos e Nutella, existe sempre uma forma de criar uma versão saudável — a NiT já partilhou várias neste artigo.

Depois, existem, claro, alimentos-chave que deve ter na sua lista de compras. Tratam-se de alimentos versáteis que garantem conseguir manter uma alimentação saudável a longo prazo. Os flocos de aveia e a batata doce são dois deles.

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Quotes:

"We need four hugs a day for survival. We need eight hugs for maintenance. And we need twelve hugs a day for growth." - Virginia Satir

Pesquisar

Nelson's bookshelf: currently-reading

Alfie - O Gato do Bairro
tagged: currently-reading

goodreads.com

2021 Reading Challenge

2021 Reading Challenge
Nelson has read 1 book toward his goal of 25 books.
hide

Arquivo

    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Afiliado Wook

WOOK - www.wook.pt

Comunidade Bertand

Read the Printed Word!

Em destaque no SAPO Blogs
pub