Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Little Tomodachi (ともだち)

Little Tomodachi (ともだち)

24
Ago20

"A Vida Interior: Uma viagem pelo mundo das emoções e das sensações"

Niel Tomodachi

350x.jpg

Sobre o Livro:

A vida interior é uma torrente contínua de pensamentos, de memórias, de projetos, de sensações emocionais e corporais, que se constroem e se desfazem permanentemente dentro de nós. a nossa vida interior pode não ser mais que um simples murmúrio, mas para aqueles de nós que a sabem escutar, ela é uma fonte extraordinária de ensinamentos para melhor nos conhecermos, nos compreendermos e conduzirmos a nossa existência.

Christophe André propõe que dediquemos momentos de atenção mais serena e constante à nossa vida interior, a essa maneira única de sermos o que somos e de estarmos no mundo. na sociedade atual, voltada para o materialismo e para as aparências, esses momentos de serenidade são essenciais e fecundos para o nosso equilíbrio emocional, a nossa criatividade, empatia e liberdade.

Um livro de leitura acessível e agradável que nos guiará perante situações adversas de carência afetiva, dúvidas existenciais, sentimentos de frustração, desilusão, mágoa, ajudando-nos a meditar e a apreciar melhor o momento presente e tudo o que nos rodeia.

 

Sobre o Autor:

Christophe André, médico psiquiatra no Hospital de Santa Ana, em Paris, especialista em problemas de ansiedade e fobias sociais, sendo igualmente psicoterapeuta de grupo. Trabalha como consultor em empresas para as questões de stress relacional e formação na comunicação. É responsável de curso em diversas universidades de Paris.

 

24
Ago20

O pão leve e delicioso que se faz só com dois ingredientes

Niel Tomodachi

Esqueceu-se de passar no supermercado ou na padaria? Há solução.

4333c7eeb19afbdda137e01042622075-754x394.jpg

O pão é daqueles elementos obrigatórios que qualquer português gosta de ter sempre por perto, não só ao pequeno-almoço mas também à hora do almoço ou jantar. É fácil de imaginar o choque lá em casa quando nos apercebemos que ninguém comprou pão. Felizmente, isso não tem de ser um drama.

A nutricionista Maria Gama tem-nos habituado a soluções não só saudáveis mas também bastante inventivas. O seu blogue Põe-te na Linha é exemplo disso mesmo, com receitas simples e práticas para o dia a dia. Ainda assim há poucas como esta.

Com apenas dois ingredientes é possível fazer pão em casa. A própria autora admitiu a sua surpresa quando a receita que a mãe experimentou lhe passou pelas mãos. Um dos ingredientes é previsível: farinha com fermento. O outro pdoerá surpreender alguns: iogurte,

Do que precisa

 Um iogurte natural (por exemplo embalagens de 125g)

 1,5 chávena de farinha com fermento.

Como se faz

Pré-aqueça o forno. Misture tudo e faça pequenas bolas. Não se esqueça que vão crescer no forno por isso o melhor é deixar um pouco de distância entre cada porção. Acompanhe o processo para ter o pão ao seu gosto, mais ou menos fofo ou tostado.

23
Ago20

Um bolo vegan de cacau com pepitas para juntar a família lá em casa

Niel Tomodachi

Pode não acreditar mas é super simples de fazer e até pode repetir uma fatia sem se arrepender.

48aef732930836d4e29d41a7cad8ae39-754x394.jpg

O cacau é uma maravilha, não interessa o século ou a civilização. Sempre foi assim e sempre será. Não é por acaso que o bolo de cacau continua a ser tão popular em todo o mundo. Mas se há algo que os verdadeiros fãs sabem é que existe um ingrediente capaz de tornar um bolo de cacau ainda melhor: pepitas de chocolate.

Não pense que esta receita é mais uma conspiração contra a sua dieta. É que esta é daquelas receitas que podemos apreciar sem nos afundarmos em remorsos. Estamos a falar de uma sugestão vegan e pouco calórica. Melhor ainda: é super fácil de fazer. 

A garantia é da autora portuguesa Isabel Lopes, autora do ebook “Healthy Snacks at home” e do blogue “Healthy Snack Time”. Cerca de meia hora deverá ser suficiente para ter o bolo pronto para servir.

Esta receita serve uma média de 12 fatias, o que significa que é ideal para um lanche em família, por exemplo.

Meia hora e já está.

Do que precisa

— Uma chávena de flocos de aveia
— Meia chávena de polvilho doce
— Meia chávena de coco ralado
— 400ml de bevida vegetal de chocolate
— Duas mãos de pepitas de cacau
— uma colher de sobremesa de fermento

Como se faz

Comece por pré-aquecer o forno a 200º. Os primeiros quatro ingredientes são colocados num liquidificador. Triture tudo até obter uma massa homogénea. Depois, adicione uma mão de pepitas de chocolate e o fermento e volte a triturar mas por menos tempo. Coloque depois a massa numa forma de bolo inglês e use o resto das pepitas para decorar. Deixe no forno cerca de 25 minutos.

 

20
Ago20

"Pelos Caminhos Assombrados de Portugal - Rota dos Mitos e Lendas"

Niel Tomodachi

350x (1).jpg

Sobre o Livro:

Da curiosidade, da singularidade e da profícua imaginação popular nasceram a maioria das histórias que povoam a nossa tradição oral. Transmitidas de boca em boca e depois de geração em geração até aos dias de hoje, as histórias de fantasmas, bruxas e antigos heróis - que ninguém sabe ao certo se realmente existiram - tornaram-se parte imprescindível da identidade de uma comunidade.

Num país onde é quase impossível encontrar uma aldeia ou encruzilhada que não tenha uma lenda povoada de detalhes misteriosos e criaturas sobrenaturais - nem que seja um simples "bicho papão" para amedrontar os forasteiros -, Pelos Caminhos Assombrados de Portugal, o novo livro da jornalista Vanessa Fidalgo, propõe uma visita a muitos dos cantos e recantos de Portugal onde a memória popular não falhou e onde, sem receios nem vergonhas, há um povo que continua a identificar-se com a sua história, as suas tradições populares e a mais peculiar herança dos seus antepassados: o seu património oral.

 

Sobre a Autora:

Vanessa Fidalgo nasceu em maio de 1978 em São Domingos de Benfica. Cresceu em Lisboa, ora no coração da cidade, ora nos seus arredores, e desde cedo percebeu que as histórias "não oficiais" dos lugares, dos seus edifícios e das suas pessoas estão entre aquilo que melhor traduz o sentimento de pertença de uma comunidade. Talvez por isso, na adolescência, tenha decidido ser jornalista. Aos 18 anos fazia a vontade ao sonho de menina e entrava como estagiária para o mundo dos jornais, mais concretamente para o diário Correio da Manhã. Jornalista há mais de vinte anos, também já fez muitas outras coisas, desde guiões para televisão a conteúdos multimédia e até outros livros. Começou a publicar em 2012 e o seu primeiro livro, Histórias de um Portugal Assombrado, tornou-se num caso de sucesso, permanecendo várias semanas nos primeiros lugares das tabelas de vendas. Pelos Caminhos Assombrados de Portugal (2020) é o seu primeiro título pela Saída de Emergência.

 

19
Ago20

"É Urgente Amar"

Niel Tomodachi

Por mais infeliz que tenhas sido, ainda vais a tempo de ser feliz para sempre.

350x (2).jpg

Sobre o Livro:

O novo romance do autor bestseller.

Nem todos os erros são errados. Foi o que ele lhe disse, as lágrimas de um nas lágrimas do outro, a janela do quarto do hotel aberta, os corpos suados à procura do repouso depois da loucura. É impossível ter-te mas é inaceitável não te ter. Ela limpou com a parte de trás da mão uma das suas lágrimas, depois com a boca as lágrimas dele, o vento a empurrar as cortinas do quarto, alguns segundos do mais doloroso dos silêncios. Destruía a minha vida toda por ti porque sei que sem ti tenho a minha vida toda destruída.

 

Sobre o Autor:

Pedro Chagas Freitas ama e é amado. Escreve quando pode e às vezes quando não pode. Escreveu centenas de livros e publicou 31. Vendeu mais de um milhão de cópias em todo o mundo. As suas obras estão traduzidas para mais de uma dezena de línguas e espalhadas por mais de meia centena de países. Está entre os autores mais vendidos no México, em Itália, no Brasil e em Portugal. Inventou jogos de escrita. Cria e coordena workshops de escrita criativa. Mas acima de tudo ama e é amado.

 

19
Ago20

Histórias Para Crianças#13

Niel Tomodachi

"Desvio" de Ana Pessoa

350x.jpg

É verão. Os pais foram de férias. Os amigos também. A namorada pediu-lhe um tempo. Miguel tem a casa só para si. Vê televisão, joga computador, lê o livro de código. O mundo parece suspenso no meio do calor.

«Tudo o que quero é que nada aconteça. Que tudo permaneça como está. O planeta muito quieto. Com a sua lei da gravidade, as suas regras de trânsito.»

Onde irá dar este desvio?

 

"Ema e a Estrela Carente" de Sérgio Almeida

Imagem-Capa_Ema-e-a-Estrela-Carente.jpg

Um dia, Ester, uma jovem estrelinha, recebeu uma importante mas ingrata missão. Polar, a líder da constelação, nomeou-a ajudante de Genoveva, a nova estrela-mor da galáxia, dona de uma verdadeira fábrica de mentiras e de um feitio que ninguém conseguia aturar. Ester conheceu injustiças e momentos bem complicados. No entanto, o maior pesadelo aconteceu quando Genoveva, proprietária de uma senhora barriga por tanto comer queijo lunar às escondidas, ficou presa entre dois satélites. Desesperada, a pequena estrelinha percebeu que só com uma ajuda muito especial poderia resolver um problema tão delicado e que a deixou tonta como uma barata. É aí que, numa noite em que o sono não aparecia, Ema, uma menina de nove anos, a descobre perdida na imensidão do espaço e, às escondidas dos pais e da irmã, resolve ajudá-la a encontrar o caminho de casa.

Com vincadas e coloridas ilustrações de Carla Monteiro, Sérgio Almeida regressa ao registo infantojuvenil, assinando uma obra repleta de fantasia, em que a gratidão e a amizade iluminam a narrativa, e bem doseada de ingredientes que nos alimentam constantemente a curiosidade em saber se a aventura terá um final feliz. Terá?

 

"A Viagem da Gotinha" de Melanie Joyce/Gina Maldonado

Imagem-via.jpg

No novo livro da série “Ciclos da Natureza”, a escritora Melanie Joyce e a ilustradora Gina Maldonado conduzem-nos através de uma viagem que passa pelos mares, pelos céus e pela terra com um objetivo bem estabelecido: explicar de forma simples, mas rigorosa, o ciclo da água.

 

 

19
Ago20

Livro “O segredo” contado nos cinemas

Niel Tomodachi

A australiana Rhonda Byrne resgatou a lei da atração, partilhou-a com o Mundo, fez um documentário, escreveu um best-seller. “O segredo”, o livro que vendeu mais de meio milhão de exemplares no nosso país, inspirou um filme romântico que estreia esta quinta-feira. Tudo é possível. Basta acreditar.

ao-baixo-696x464.jpg

A mensagem do livro é universal, a vida é como um espelho, pensamentos positivos atraem coisas positivas (Foto: DR)

Em 2007, seis meses depois do lançamento do seu livro “O segredo”, a australiana Rhonda Byrne, ex-produtora de rádio e televisão, estava no talk show mais visto no Mundo. A primeira edição da sua obra literária tinha vendido perto de dois milhões de cópias nos Estados Unidos. Um best-seller. Diante de Oprah Winfrey, a escritora espremeu a essência numa frase. “Os nossos pensamentos são aquilo que temos de mais poderoso.” E tudo pode mudar.

Nesse ano, não se falava noutra coisa e tudo mudou na vida de Rhonda Byrne. Foi considerada uma das 100 pessoas mais influentes do Mundo pela revista Time, o livro chegou a Portugal e foi um êxito de vendas nunca visto. A viagem começou antes.

“O segredo” foi um fenómeno em Portugal e não só (Foto: DR)

Em 2004, Rhonda Byrne perdeu o pai subitamente, vivia angustiada e descontente com a vida profissional e pessoal. A filha ofereceu-lhe o livro “The science of getting rich” (“A ciência de ficar rico”), de Wallace D. Wattles, escrito em 1910. A australiana recua ao passado, mergulha na literatura, aprofunda a lei da atração, percebe que se pode alcançar o que se quer com o pensamento. Faz um documentário, reúne testemunhos e histórias de vida, mostra que os pensamentos se transformam em coisas. E escreve o livro “The secret”(“O segredo”), que se torna um sucesso interplanetário, traduzido em mais de 50 línguas. Com aplausos e críticas à mistura.

Treze anos depois, há um filme inspirado nos princípios do seu livro. “O segredo: atreve-te a sonhar” chega às salas portuguesas esta quinta-feira, 20 de agosto. Nos Estados Unidos, “The secret: dare to dream” já é um êxito de bilheteira. Um drama romântico com Katie Holmes (Miranda Wells) e Josh Lucas (Bray Johnson) nos principais papéis, filmado no Louisiana, na costa norte do lago Pontchartrain. A história de uma mulher trabalhadora, viúva, com três filhos para criar. Uma tempestade e um homem com um segredo que entra na vida da família. Um segredo que pode mudar tudo. Andy Tennant é o realizador, Rhonda Byrne é produtora e integra a equipa de argumentistas.

A escritora envolveu-se de corpo e alma nesta empreitada. “É um filme em que as pessoas se sentem bem e isso é o mais importante”, conta à “Notícias Magazine”. “É um filme muito simples, uma história com os princípios do livro, com personagens ficcionais que representam várias pessoas.” A mensagem está lá e o Universo está sempre a favor, nunca contra o que quer que seja. “Coisas muito simples mudam muitas coisas, provocam muitas mudanças.” É também um sonho tornado realidade e um filme oportuno. “Vem no tempo certo com tanta incerteza perante o futuro”, sustenta.

Rhonda Byrne escreveu o livro “O Segredo” e, agora, integrou a equipa de argumentistas que adaptou a obra ao cinema (Foto: DR)

Agosto de 2020, Rhonda Byrne está do outro lado da linha ao telefone. O documentário, o livro, o filme. A morte do pai, um tempo de absoluto desespero, pesquisas, a perceção do poder da mente, a lei da atração, um segredo. “A maioria das pessoas não faz a mínima ideia do poder dos seus próprios pensamentos. Esse segredo sempre esteve lá, nos filósofos, pensadores, descrito em diferentes escalas de linguagem, de diferentes maneiras”, lembra. Decidiu partilhar a sua descoberta acontecesse o que acontecesse. Assim fez. Mas, Rhonda, tudo é possível? É tão simples quanto isso? “Se acreditar, tudo é possível”, responde. “A lei da atração é a maneira de descrever o poder da mente. O segredo passa por as pessoas focarem os pensamentos naquilo que querem.” O que se quer é o que consegue, basta acreditar. “Mas estamos sempre a acreditar, o tempo todo, não é? O que digo é para não acreditarem nas coisas que não querem que aconteçam.”

“O sucesso é a mensagem”

“O segredo” foi um fenómeno em Portugal e não só. Mais de 30 milhões de exemplares vendidos em todo o Mundo, mais de meio milhão no nosso país, 190 semanas na lista dos mais vendidos do “The New York Times”. “O sucesso do livro é a sua mensagem e o sucesso pertence às pessoas que usam o segredo nas suas vidas. Não é um sucesso meu, pessoal. Escrevi o livro para todos os que acreditam verdadeiramente nos seus pensamentos”, revela. E as críticas? Rhonda não perde tempo com isso. Quem quiser ler lê, quem não quiser não lê. Quem quiser acredita, quem não quiser não acredita. “Para mim, está tudo bem.”

“O segredo: atreve-te a sonhar”, com Josh Lucas e Katie Holmes nos principais papéis, chega às salas portuguesas esta quinta-feira
(Foto: DR)

Um documentário abriu o apetite para o livro, Rhonda Byrne já não era desconhecida, as previsões eram boas. Mas ninguém estava à espera do que realmente aconteceu em 2007, quando o livro foi publicado em Portugal. A primeira tiragem, de dez mil exemplares, esgotou em menos de uma semana, as tiragens seguintes foram pelo mesmo caminho. Os pedidos vinham de todo o lado, de livrarias, superfícies comerciais, quiosques improváveis. “O livro continua a vender, seguramente vendeu mais de meio milhão de exemplares, seguramente foi o mais vendido em Portugal, desde que existe controlo”, garante José Prata, editor da Lua de Papel, que lançou a obra no nosso país. “Um momento épico que nunca mais se repetiu.”

“O sucesso do livro é universal. Já havia alguns indicadores de que teria um sucesso muito grande.” A autora ia a programas de televisão com impacto mundial, atores, atrizes, influenciadores falavam da lei da atração e do livro, Portugal era o país europeu, per capita, com mais gente a jogar no Euromilhões, a mensagem de conseguir o que se quer era poderosa. “As pessoas alimentavam-se muito dessa crença, da promessa de facilidade, uma crença genuína.” Nos primeiros tempos, a imprensa portuguesa não falou do assunto, abordou o tema depois do fenómeno de vendas, o livro continuou a ter procura e todos os anos são produzidos dez mil exemplares. “É já um essencial”, diz José Prata.

Com o filme prestes a estrear, o livro terá uma cinta à volta com essa nova referência, e o editor sabe o que vai acontecer. “Não tenho a menor dúvida de que o filme vai ter impacto nas vendas. O livro vai voltar a ter uma exposição que já não tinha.”


Filme romântico estreia esta quinta-feira, dia 20 de agosto (Foto: DR)

A mensagem do livro é universal, a vida é como um espelho, pensamentos positivos atraem coisas positivas. “O segredo” é um livro com frases de líderes mundiais de várias áreas, histórias de pessoas comuns que mudaram as suas vidas, exemplos de erradicação de doenças, superação de obstáculos, realizações na saúde, na conta bancária, nos relacionamentos. “Alegria atrai mais alegria. Felicidade atrai mais felicidade. Paz atrai mais paz. Gratidão atrai mais gratidão. Simpatia atrai mais simpatia. Amor atrai mais amor. O seu trabalho é interior. Para mudar o seu mundo, tudo o que precisa de fazer é mudar a maneira como sente”, escreveu a autora. Os pensamentos moldam a realidade, desejos e sonhos deixam de ser impossibilidades.

 

O golo de Éder, o mindset positivo

E o que tem a ver o golo de Éder na final do Europeu de futebol de 2016, que deu o título de campeã europeia à seleção portuguesa, com a lei da atração? Tudo. Susana Torres, coach do jogador, coach de alta performance, especializada em treino mental, que desenvolve programas de coaching desportivo e empresarial e escreveu o livro “Vai correr tudo bem” com Éder, prefácio de Fernando Santos, explica o que se passou. Meditação, sessões de conversa, o sítio onde colocar a bola, 55 dias intensos, muitos áudios e vídeos. Um trabalho exaustivo de preparação. “Todo este trabalho foi a materialização da lei da atração”, resume Susana Torres. “Nós fazemos a nossa parte e o universo faz a parte dele.” E o jogador português marcou o golo da vitória na final, o golo mais celebrado pelos portugueses.

Há uns anos, ainda antes do livro de Rhonda Byrne, Susana Torres confessa que estava cética em relação à lei da atração. Não é uma lei que se verifique com um olhar, como a da gravidade ou da ação-reação, faltavam-lhe explicações concretas. “A lei da atração não é fácil de comprovar, é preciso sentir os efeitos na nossa vida.” É preciso trabalhar a mente para concretizar objetivos. Materializar pensamentos. Quis aprender mais sobre o assunto, expandir conhecimentos, entendeu que os sentimentos positivos se traduzem em energia e a energia concretiza ações. Como manobrar pensamentos para concretizar aquilo em que se acredita. “O segredo” confirmou e validou o que Susana Torres já sabia, e a coach reconhece que os exemplos do livro facilitam a identificação com o que é relatado.

Rhonda Byrne foi considerada uma das 100 pessoas mais influentes do Mundo pela revista Time (Foto: DR)

Viu o documentário de Rhonda Byrne várias vezes. “A lei da atração manifesta-se quando a praticamos.” Foi o que aconteceu quando pensou dar a primeira formação de certificação internacional para 100 pessoas, dois mil euros à cabeça, durante três dias em janeiro de 2018. Reuniu com a sua equipa de 20 pessoas para partilhar a ideia, disseram-lhe que não seria possível. Avançou mesmo assim, pagou a sala do hotel sem uma única inscrição, esgotou um mês antes. Acreditou, conseguiu.

Lúcio Lampreia, consultor, licenciado em Sociologia do Trabalho, autor do livro “Mude”, recorda a frase do filósofo Séneca: “Não há vento favorável para quem que não sabe aonde vai”. O livro de Rhonda Byrne tem conceitos importantes, científicos, na sua opinião, e que chegam à população em geral. O exercício mental, o foco, a visualização, o mindset positivo. “O livro cumpre uma função social muito importante, apesar de ser criticado por muita gente como pseudociência”, comenta. Ideias, testemunhos, frases, que podem trazer benefícios se aplicados no dia a dia. A consistência do trabalho e do desempenho é essencial. Ou seja, sublinha, “ir melhorando progressivamente o que se faz, superar limitações, apostar nas áreas em que se é mais talentoso para ter melhores resultados”. Aprender coisas novas e estar recetivo à crítica.

Lúcio Lampreia não acredita em milagres, mas no trabalho consistente, no processo de mudança, no desafio de qualquer pessoa ir além da sua zona de conforto. “Se estivermos focados num determinado objetivo, possivelmente acaba por acontecer”, frisa. O meu foco é aquilo que acabo por atrair”, acrescenta. E acreditar é trazer sonhos e desejos para uma realidade que pode realmente acontecer.

Rhonda Byrne tornou-se escritora. Em 2010, lançou “O poder”, mais um best-seller, quase quatro milhões de cópias vendidas, disponível em 45 idiomas. Dois anos depois, “A magia”, mais de um milhão de exemplares vendidos, mais um best-seller do “The New York Times”. Um ano depois, “Herói” e em 2016 “Como ‘O segredo’ mudou a minha vida”, compilação de histórias da vida real, obra inspirada nos leitores dos seus livros, disponível em mais de 30 idiomas.

Há um novo livro a caminho. O anúncio oficial ainda não foi feito, Rhonda não pode adiantar pormenores. Andará em torno da libertação do sofrimento. “Portugal tem um grande papel neste livro”, adianta, sem especificar. E o título, Rhonda, já há título para livro? Ainda não pode ser revelado. É segredo, por enquanto. E o segredo é a alma do negócio.

Source

18
Ago20

Douro River Taxi leva-o do Porto a Gaia em 3 minutos

Niel Tomodachi

Estão de regresso os barcos inspirados nos Rabelos que fazem o percurso com conforto e uma vista incrível.

45daf02b123db8a70acc8d0c732810f7-754x394.jpg

Das ruas históricas da baixa do Porto ao icónico cais de Gaia, bastam apenas três minutos. É este o tempo que os táxis aquáticos da Douro River levam a ligar as duas margens do Douro.

O Douro River Taxi está de volta e a convidar todos, portuenses e turistas, a uma viagem rápida no embalo das Rabelas – as embarcações inspiradas nos antigos barcos Rabelos, que em tempos transportavam as pipas carregadas de vinho do Porto.

As viagens acontecem a cada 15 minutos, com a duração de “três a quatro minutos” e o preço é de três euros por cada travessia. Os miúdos pagam 1€.  

Num ano voltado para a redescoberta de Portugal, esta é uma das experiências a juntar à check list obrigatória: uma travessia que permite desfrutar da vista única para alguns dos pontos mais icónicos da cidade, como a ponte D. Luís ou a Serra do Pilar. Os barcos estão disponíveis de sábado a segunda-feira, a 12 às 20 horas, e têm a capacidade para 15 pessoas.

Esta é também uma opção para quem quer fazer uma visita às Caves Taylor’s ou ainda conhecer o recentemente inaugurado World of Wine – o novo quarteirão cultural localizado em Vila Nova de Gaia que reúne cinco museus, oito restaurantes e cafés e, em breve, uma escola de vinhos.

951d4dff3c22e9fcc4a2707009f45ea8-1-754x394.jpg

 

18
Ago20

Abriu uma loja de discos para ratos na Suécia

Niel Tomodachi

É um projeto artístico chamado Ricotta House, que tem discos de Amy Winemouse ou das Spice Gerbils.

7e97acb449db68fbce254c072df53a9c-754x394.jpg

É numa rua da cidade de Lund, na Suécia, que abriu um espaço insólito: uma loja de discos para ratos. Chama-se Ricotta House e é um projeto artístico do coletivo AnonyMouse, que criou este pequeno estabelecimento a pensar nos pequenos roedores.

Lá dentro, é possível encontrar discos em miniatura de artistas pop com os nomes transformados em trocadilhos — é o caso de Amy Winemouse, das Spice Gerbils, dos Rats Against the Machine ou das Destiny’s Cheese.

https://www.instagram.com/anonymouse_mmx/?utm_source=ig_embed

 

18
Ago20

Douro vai ter uma nova rota para ciclistas com 275 quilómetros

Niel Tomodachi

Pensada para a prática de BTT e para cicloturistas, vai de Miranda do Douro a Foz Côa com direito a paisagens únicas.

7e22facc5e559e5cccc6619f07bb4805-754x394.jpg

Não é um percurso para ciclistas principiantes, embora seguramente valha o esforço, nem que seja apenas pelas paisagens singulares do Douro. É ali que irá nascer uma nova rota ciclável, idealmente em BTT, com 275 quilómetros.

Vai chamar-se Grande Travessia do Douro Internacional e Vinhateiro e o seu percurso cruza três rios (Douro, Sabor e Tua) e sete concelhos: Miranda do Douro, Mogadouro, Freixo de Espada à Cinta, Torre de Moncorvo, Carrazeda de Ansiães, Figueira de Castelo Rodrigo e Vila Nova de Foz Côa.

“Será um equipamento para prática de BTT a nível nacional e internacional, que oferece aos praticantes um contacto privilegiado com um vasto território, nas melhores condições técnicas e logísticas para a prática do cicloturismo”, explica à “Lusa”, citada pelo “Público”, Nuno Trigo, secretário geral da Associação de Municípios do Douro Superior (AMDS), a responsável pelo projeto.

O investimento de cerca de 428 mil euros contempla também a instalação de centros onde os ciclistas poderão descansar, tomar um banho e cuidar das suas máquinas de duas rodas. Serão 20 espalhados por todo o percurso que estará dividido em seis etapas, uma em cada concelho.

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Quotes:

“How wonderful it is that nobody need wait a single moment before starting to improve the world.” ― Anne Frank

Pesquisar

Nelson's bookshelf: currently-reading

Alfie - O Gato do Bairro
tagged: currently-reading

goodreads.com

2022 Reading Challenge

2022 Reading Challenge
Nelson has read 0 books toward his goal of 50 books.
hide

Arquivo

    1. 2022
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Afiliado Wook

WOOK - www.wook.pt

Comunidade Bertand

Afiliado Miniso

Read the Printed Word!

Em destaque no SAPO Blogs
pub