Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Little Tomodachi (ともだち)

Little Tomodachi (ともだち)

02
Abr20

Chegou ao Lidl uma coleção para treinar em casa (com um smartwatch low cost)

Niel Tomodachi

Da roupa aos acessórios, há várias propostas que pode aproveitar na próxima ida ao supermercado.

203f75b68bf874042ff5a5e1dc494469-754x394.png

Se costuma fazer as compras no Lidl, da próxima vez que passar por lá procure a nova coleção de desporto. Chegou aos espaços da cadeia esta quinta-feira, 2 de abril, e é uma bela ajuda — e incentivo — para treinar em casa.

A linha desportiva inclui, por exemplo, roupa para homem e mulher, como coletes (12,99€), T-shirts (4,99€), tops (3,99€), soutiens desportivos (5,99€), calções (4,99€) e meias (2,99€). Para quem, mesmo em casa, não consegue praticar exercício sem sapatilhas, há propostas confortáveis por 15,99€.

No que diz respeito a acessórios, há uns auscultadores da Sony que vale a pena aproveitar. A versão com bluetooth tem controlo de volume, botão de chamadas, microfone e autonomia até oito horas. Custa 29,99€.

Destaca-se, ainda, nesta coleção um relógio desportivo de 24,99€ — a maioria das versões desportivas é muito mais cara. Esta sugestão low cost da Crivit mede a pulsação sem cinto peitoral e inclui “exercícios de pulsação com alarme” e “exibição do consumo de calorias”, pode ler-se no site da cadeia.

A nova linha do Lidl junta, ainda, um tapete para ginástica (6,99€), que está disponível em várias cores, assim como compressas em gel (3,99€) e fitas de cinesiologia (9,99€) — este último dá efeito de suporte em caso de tensão muscular e aumenta a sensação de estabilidade e movimento.

02
Abr20

Posso Ir? A app que lhe diz se há filas para a farmácia ou supermercado

Niel Tomodachi

Usa informação partilhada pelos utilizadores para calcular o tempo de espera e evitar que saia de casa na pior altura.

78805a221a988e79ef3f42d7c5bfd418-754x394.jpg

Ninguém sai de casa e, quando sai, o mais provável é que o faça para ir a um de dois sítios: à farmácia ou ao supermercado. Cada saída acarreta um risco de contágio, mesmo cumprindo todas as regras de distanciamento e, por isso, todos desejamos que a saída não seja em vão e que encontremos a menor fila possível. Agora, graças a uma nova app, já não precisa de tentar adivinhar: pode mesmo saber se o sítio onde quer ir tem fila à porta.

A aplicação criada pelo movimento nacional Tech4COVID19 — uma espécie de associação de startups e empresas de tecnologia que se juntaram para criar ferramentas úteis para a luta contra a doença — tira partido da informação partilhada pelos próprios utilizadores, um pouco à imagem do que acontece nas aplicações de trânsito, que recolhem dados e relatos de utilizadores individuais. É possível também que os próprios estabelecimentos passem essa informação diretamente à app, que assim terá sempre dados fidedignos e atualizados.

 

O funcionamento também é simples: basta ativar a localização e a aplicação mostra automaticamente todos os locais de interesse na sua zona. Para perceber se a espera está ou não demorada, basta analisar o código de cores. Se está verde, não há fila; amarelo é sinal de espera moderada; e o vermelho indica uma fila longa. No caso de não haver informação, o símbolo aparecerá a cinzento.

A Posso Ir foi lançada esta terça-feira, 31 de março, e também por isso ainda não tem informação atualizada para muitos dos locais disponibilizados no mapa. À medida que mais utilizadores a descarregarem e atualizarem, mais útil ela se vai tornar. A aplicação é gratuita e está disponível para iOS Android.

02
Abr20

Aldeias de Crianças SOS: o seu IRS tem Futuro!

Niel Tomodachi

header_site.png

Sabia que tem um superpoder?
Sim, o de ajudar centenas de crianças sem qualquer custo!
Doe 0,5% do seu IRS (valor que iria para o Estado) para as Aldeias de Crianças SOS.
Basta colocar o nosso NIF 500 846 812 quando fizer a entrega da sua declaração.
Veja como é simples!

As Aldeias de Crianças SOS agradecem o seu apoio e generosidade
Juntos mudamos a vida de mais de 400 crianças e jovens em Portugal!
Obrigado por caminhar connosco por um mundo melhor!

 

https://www.aldeias-sos.org/ajudar/irs-2019/irs-2020

 

01
Abr20

Venda de livros caiu 66% em Portugal por causa da pandemia da Covid-19

Niel Tomodachi

Os dados da GFK Portugal revelam que foram vendidas menos 121 mil unidades do que no mesmo período de 2019.

8a83de68b01030368803a6d4cb36e20b-754x394.jpg

A venda de livros no nosso País sofreu uma quebra de 65,8 por cento com o agravamento da situação causada pelo surto do novo coronavírus. A GFK Portugal, que recolhe dados relevantes sobre mercados e consumidores, revelou a estatística esta quarta-feira, 1 de abril.

Entre 16 e 22 de março, as vendas caíram dois terços em comparação com o mesmo período no ano passado. Segundo António Salvador, diretor-geral da GFK Portugal, “a situação atual que vivemos está a afetar gravemente a venda de livros e, a continuar assim, será a pior crise que alguma vez existiu neste mercado.”

A empresa explica ainda que a queda nas vendas em relação ao ano passado corresponde a mais de 121 mil unidades, que representam cerca de 1,6 milhões de euros. Nos hipermercados, a descida foi de 40 por cento enquanto que nas livrarias e outros espaços de venda de livros esta situação atingiu os 73 por cento.

01
Abr20

Hoje, mais do que nunca, o seu IRS tem Futuro!

Niel Tomodachi

post 3.png

Graças ao seu IRS, a Ancha Cipriano tem Futuro. E com professoras como a Ancha, mais crianças em Moçambique têm Futuro.

Ao doar 0,5% do seu IRS à Helpo, está a ajudar dezenas de milhares de crianças moçambicanas a estudar.

Em Moçambique, mais de 1,2 milhões de crianças não vão à escola, mas todos podemos contribuir para que isto faça parte do passado.

A consignação de 0,5% do IRS não tem qualquer custo para si e faz toda a diferença para quem aposta no Futuro destas crianças.
Basta escrever o NIF da Helpo - 507 136 845 - no quadro 11, 2.ª alínea da sua declaração de IRS.

Com a Helpo, o seu IRS tem Futuro!

https://www.helpo.pt/pt/news/hoje-mais-do-que-nunca-o-seu-irs-tem-futuro

01
Abr20

Livrarias independentes de todo o País unem-se para oferecerem portes de envio

Niel Tomodachi

A iniciativa tem como objetivo continuar a vender livros online, através de encomendas que lhe chegam a casa.

a2c74dd68dbd8410791021e4827b407b-754x394.jpg

Já tínhamos noticiado alguns casos de pequenas livrarias que tinham virado o seu negócio para as vendas online e que estavam a oferecer os portes de envio nas encomendas feitas para casa. Agora, uma iniciativa vem unir dezenas de espaços do género por todo o País.

O objetivo desta proposta da RELI — Rede das Livrarias Independentes é incentivar os leitores, que estão em casa, a encomendarem obras online. São muitos os participantes, desde a Livraria Ler Devagar, em Lisboa, até à 100ª Página, em Braga. Há espaços do Porto, Guimarães, Évora, Figueira da Foz, Sines ou Óbidos, entre outros. Consulte a lista completa e os respetivos contactos.

Apesar desta iniciativa conjunta, as encomendas devem ser feitas junto de cada livraria e a partir daí são combinados os métodos de envio.

01
Abr20

O delicioso pão de beterraba que vai mudar os seus dias

Niel Tomodachi

A receita partilhada pela nutricionista Sónia Marcelo é bastante fácil de fazer.

35234749f428bcef6b9d56ebb06dc5ec-754x394.jpg

Fazer pão em casa é uma ótima forma de conseguir uma alternativa mais saudável e, ainda, de evitar idas diárias aos supermercados ou padarias. Para quem gosta de arriscar, a nutricionista Sónia Marcelo partilhou uma versão de beterraba.

Como conta à NiT, a receita é, na realidade, de uma das suas pacientes, que já conseguiu emagrecer 10,7 quilos. “O que adoro na minha profissão é a transformação que vejo nas minhas pacientes”, diz.

 

Segundo a também autora do blogue “Dicas de Uma Dietista”, este pão é saudável, delicioso e nutritivo. Precisa de sete ingredientes para a confeção. Quanto ao grau de dificuldade, não se preocupe, é bastante fácil.

Do que precisa

— 150 gramas de farinha espelta;
— 100 gramas de farinha de aveia;
— 50 gramas de farinha de beterraba;
— 200 gramas de farinha trigo integral;
— Duas colheres de sementes a gosto;
— Duas saquetas de fermento em pó;
— Sal (q.b.);
— 500 mililitros de água morna.

Como se faz

Comece por misturar e amassar muito bem todos os ingredientes. Coloque numa taça, tape com um pano e deixe a levedar durante três horas.

Passe para uma forma de pão e leve ao forno, pré-aquecido a 220 graus, durante 45 minutos. Desligue o forno e deixe ficar durante mais dez minutos.

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pág. 10/10

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Quotes:

“How wonderful it is that nobody need wait a single moment before starting to improve the world.” ― Anne Frank

Pesquisar

Nelson's bookshelf: currently-reading

Alfie - O Gato do Bairro
tagged: currently-reading

goodreads.com

2022 Reading Challenge

2022 Reading Challenge
Nelson has read 0 books toward his goal of 50 books.
hide

Arquivo

    1. 2022
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Afiliado Wook

WOOK - www.wook.pt

Comunidade Bertand

Afiliado Miniso

Read the Printed Word!

Em destaque no SAPO Blogs
pub